Briga em estádio de Pedro Juan Caballero deixa seis pessoas feridas, duas em estado grave

Dois torcedores foram transferidos para Assunção

Uma briga envolvendo torcedores que acompanhavam a partida de futebol entre Olímpia e Sol de América na tarde deste domingo (08)no estádio Rio Parapiti em Pedro Juan Caballero,  deixou pelo menos seis pessoas feridas, quatro deles em estado grave. A partida que deveria ser motivo de festa para os desportistas da fronteira já que estariam em campo duas equipes do futebol de elite do Paraguai, terminou numa briga generalizada, onde não faltaram ate mesmo disparos de arma de fogo por parte dos torcedores.

Cinco torcedores foram encaminhados ao Hospital Regional de Pedro Juan, e outros dois torcedores, um  que sofreu traumatismo craniano e outro atingido por disparo de arma de fogo foram transferidos para a capital, devido a gravidade dos ferimentos. Outros dois torcedores foram atingidos por disparos de arma de fogo e estão internados em Pedro Juan. Pelo menos 200 policiais faziam a segurança no estadio mas não conseguiram acabar com a briga. O  jogo acabou sendo suspenso aos 8 minutos do primeiro tempo.

Segundo as informações policiais a confusão teria começado com a torcida organizada do Olímpia denominada de “Barra Brava” de Assunção. Pelo regulamento de Federação de Futebol do Paraguai em casos como esse, uma nova partida deve ser disputada 24 horas depois no mesmo local. Mas os dirigentes da equipe do Sol de América já deixaram claro que não pretendem realizar uma nova partida  e que vão  pleitear os pontos, já que toda a confusão foi iniciada por torcedores do Olímpia.  

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

235 views