Curto-circuito pode ter sido a causa de incêndio em camelódromo paraguaio

A rápida intervenção dos bombeiros impediram que o estrago fosse, maior ainda.

Um curto-circuito é a provável causa do incêndio registrado por volta das 23h10 da noite deste domingo (03) e que destruiu três barracas no camelódromo de Pedro Juan Caballero, cidade paraguaia vizinha de Ponta Porã. A suspeita foi levantada por policiais paraguaios que acompanham as investigações. Construído em 2013 com dinheiro liberado pela Comunidade Européia, o camelódromo fica na Linha Internacional, a rua que divide as duas cidades. Graças a rápida intervenção do corpo de Bombeiros de Ponta Porã que enviou três caminhões pipas ao local e da presença dos Bombeiros voluntários do Paraguai, o incêndio não atingiu maiores proporções.

Alguns comerciantes ainda tentaram resgatar mercadorias em meio as chamas, mas o prejuízo foi grande. Pelo menos quatro mil litros de água foram usados pelos bombeiros brasileiros durante uma hora e meia de trabalho para controlar as chamas e evitar que o fogo se espalhasse para as outras barracas. Na manhã desta segunda-feira (04) os donos das barracas foram ao local para tentar resgatar algumas mercadorias, mas a maior parte do estoque ficou destruída pelo incêndio. Existem pelo menos 250 vendedores ambulantes no camelódromo.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

236 views