Em clássico cheio de erros, Flamengo e Vasco ficam no empate no Maracanã

Em jogo tecnicamente fraco, Flamengo e Vasco ficam no 0 a 0

O Clássico dos Milhões foi, neste sábado, o Clássico dos Milhões de Erros. Flamengo e Vasco, no primeiro duelo entre as equipes de 2018, abusaram de falhas no meio de campo, desperdiçaram chances e empataram em 0 a 0 no Maracanã pela quarta rodada da Taça Guanabara. O Flamengo começou melhor, assim como o ânimo da torcida nas arquibancadas. Criou duas boas chances em lances seguidos com Paquetá e Felipe Vizeu, mas não aproveitou e caiu de rendimento. Foi a vez, então, de o Vasco ir ao ataque e tentar pressionar o Rubro-Negro. A equipe comandada por Zé Ricardo dominou as ações, mas também caiu. O primeiro tempo terminou sonolento, sem inspiração ofensiva dos dois times, que erravam muito no meio.

O segundo tempo, assim como o primeiro, começou agitado. Vinicius Junior deixou Paquetá em ótimas condições para marcar. O Vasco, então, respondeu. Mas, novamente, parou por aí. As duas equipes voltaram a cair de rendimento com o decorrer da etapa final e não conseguiram abrir o placar. No fim, o Flamengo ainda perdeu ótima chance de vencer o clássico. Com o empate, o Flamengo perdeu os 100% de aproveitamento, mas segue na liderança do grupo B da Taça Guanabara, com 10 pontos.

O Vasco, com quatro, precisa torcer para o Volta Redonda vencer ou empatar com a Cabofriense e para Bangu e Nova Iguaçu, todos com quatro, empatarem.O Flamengo entra em campo no próximo domingo, contra o Nova Iguaçu, no Mané Garrincha, em Brasília, às 17h00. No mesmo dia e horário, o Vasco recebe o Volta Redonda em São Januário.  O colombiano Marlos estreou com a camisa do Flamengo neste sábado, contra o Vasco. Tímido nos primeiros minutos em campo, o jogador, emprestado pelo Manchester City, deixou Vinicius Junior cara a cara com Martín Silva perto do fim da partida, mas o garoto desperdiçou a chance. Marlos mostrou que pode ser útil ao técnico Carpegiani.

Corinthians vence o São Paulo no clássico paulista 

O primeiro clássico do Campeonato Paulista foi movimentado, principalmente na primeira etapa, quando o Corinthians conseguiu construir o placar de 2 a 1 que foi o suficiente para vencer o São Paulo, na tarde deste sábado, no Pacaembu. Com torcida única, os alvinegros superaram os rivais e chegaram ao terceiro triunfo consecutivo no torneio, enquanto que os tricolores agora somam duas derrotas após quatro rodadas. Com a vitória, o Corinthians agora soma nove pontos e lidera o Grupo A do Campeonato Paulista. O São Paulo continua com quatro pontos, no Grupo B. Na próxima rodada, o Corinthians o Novorizontino no interior, no domingo, enquanto que o São Paulo o Botafogo, no sábado, no Morumbi. Antes disso, o Tricolor vai até Londrina para enfrentar o Madureira, pela Copa do Brasil, na quarta-feira.

O Corinthians precisou de um minuto para abrir o placar no Pacaembu. Em sua primeira investida, o Timão viu Rodriguinho dar bom passe para Jadson, que tocou na saída do goleiro Sidão. Com pouco espaço no ataque, o São Paulo apostou nos chutes de fora da área, e quase empatou com Shaylon, que acertou a trave. O empate tricolor veio com Brenner, após bom passe de Éder Militão. Mas o respiro tricolor durou pouco: sete minutos depois, Balbuena ganhou de Anderson Martins pelo alto e cabeceou forte para definir o placar em 2 a 1.

Depois de uma primeira etapa movimentada e com boas chances dos dois lados, o ritmo das duas equipes diminuiu no segundo tempo. O São Paulo até esboçou uma pressão nos primeiros minutos, sempre com Marcos Guilherme pelo lado direito do ataque tricolor, explorando as costas de Juninho Capixaba. Mas a defesa corintiana levou a melhor contra a pouca inspiração são-paulina na armação das jogadas ofensivas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

127 views